Panamerican Journal of Trauma, Critical Care & Emergency Surgery

Register      Login

VOLUME 1 , ISSUE 2 ( May-August, 2012 ) > List of Articles

RESEARCH ARTICLE

Prevenção ao Trauma e Atendimento de Qualidade: Uma Década de Liga Acadêmica do Trauma no Hospital do Trabalhador – UFPR (Curitiba-PR, Brasil)

Adonis Nasr, Iwan Augusto Collaço, Carolina Talini, Giana Caroline Strack Neves, Micheli Fortunato Domingos, Phillipe Geraldo Teixeira de Abreu Reis

Citation Information : Nasr A, Collaço IA, Talini C, Neves GC, Domingos MF, Reis PG. Prevenção ao Trauma e Atendimento de Qualidade: Uma Década de Liga Acadêmica do Trauma no Hospital do Trabalhador – UFPR (Curitiba-PR, Brasil). Panam J Trauma Crit Care Emerg Surg 2012; 1 (2):127-130.

DOI: 10.5005/jp-journals-10030-1028

License: CC BY-NC 4.0

Published Online: 01-08-2012

Copyright Statement:  Copyright © 2012; Jaypee Brothers Medical Publishers (P) Ltd.


Abstract


PDF Share
  1. Ligas acadêmicas: O que há de positivo? Experiência de implantação da Liga Baiana de Cirurgia Plástica. Salvador - BA. Revista Brasileira de Cirurgia Plástica 2008;23(3):158-61 [citado em 25 Jul 2011].
  2. Normatização da abertura de ligas acadêmicas: A experiência da Faculdade de Medicina de Botucatu. Revista Brasileira de Educação Médica, Rio de Janeiro 2010; 34 (1) [citado em 01 ago 2011].
  3. Ligas Acadêmicas e formação médica: Contribuições e desafios. Interface Comunicação Saúde Educação. 2008;12(27):713-20 [citado em 25 Jul 2011].
  4. Guia para construção de Ligas Acadêmicas. Ribeirão Preto: Assessoria Científica da Direção Executiva Nacional dos Estudantes de Medicina, 2006 [citado em 01 ago 2011].
  5. O ensino médico além da graduação: ligas acadêmicas. Diagnósticos e Tratamento 2011;16(2):50-51 [citado em 10 ago 2011].
  6. Institucional. Disponível em: ≪http://www.ablam.org.br ≫. Acesso em 10 ago 2011.
  7. O ‘Currículo Paralelo’ dos estudantes de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais. Revista Brasileira de Educação Médica. 2007;31(3):254-65 [citado em 10 ago 2011].
  8. Atividades extracurriculares: multiplicidade e diferenciação necessárias ao currículo. Revista Brasileira de Educação Médica. Rio de Janeiro 2007;31(3);203-11 [citado em 10 ago 2011].
  9. As causas externas no Brasil no ano 2000:comparando a mortalidade e a morbidade. Cadernos de Saúde Pública. Rio de Janeiro, Julho- Agosto 2004;20(4):995-1003 [citado em 10 ago 2011].
  10. Sistema de Informações em Saúde. Datasus. Morbidade e Mortalidade no Brasil por Causas Externas. Disponível em ≪http://www.datasus.gov.br ≫. Acesso em 25 Jul 2011.
PDF Share
PDF Share

© Jaypee Brothers Medical Publishers (P) LTD.