Panamerican Journal of Trauma, Critical Care & Emergency Surgery

Register      Login

VOLUME 6 , ISSUE 2 ( May-August, 2017 ) > List of Articles

RESEARCH ARTICLE

Serviço de Atendimento Móvel de Urgência 192: Violência Contra A Mulher

Mateus K Ibiapino, Vanessa BM Couto, Bernardo P Sampaio, Roberto AR Souza, Felipe A Padoin, Bárbara EB Carvalho, Irany S Salomão

Citation Information : Ibiapino MK, Couto VB, Sampaio BP, Souza RA, Padoin FA, Carvalho BE, Salomão IS. Serviço de Atendimento Móvel de Urgência 192: Violência Contra A Mulher. Panam J Trauma Crit Care Emerg Surg 2017; 6 (2):77-80.

DOI: 10.5005/jp-journals-10030-1177

License: CC BY-NC 4.0

Published Online: 01-08-2017

Copyright Statement:  Copyright © 2017; Jaypee Brothers Medical Publishers (P) Ltd.


Abstract


PDF Share
  1. New study highlights need to scale up violence prevention efforts globally. 2014. Available from: http://wwwwhoint/mediacentre/news/releases/2014/violence-prevention/en/.Acessoem10/08/2016.
  2. Mapa da Violência 2015—Homicídio de mulheres no Brasil. 2015. Brasília: Secretaria de Políticas para as Mulheres, ONU Mulheres, Organização PanAmericana da Saúde/Organização Mundial da Saúde.
  3. Violência contra a mulher: estudo em uma unidade de atenção primária à saúde. Rev. Saude Publica 2002;36(4):470-477.
  4. Violência doméstica: análise das lesões em mulheres. Cad Saude Publica 2006;22(12):2567-2573.
  5. Violência contra a mulher, uma triste realidade [Monografia]. Araraquara: Faculdade de Ciências e Letras, Universidade Estadual Paulista; 2000
  6. Violência doméstica contra a mulher: realidades e representações sociais. Psicol Soc 2012;24(2):307-314.
  7. Violência doméstica e suas diferentes manifestações. Rev Psiquiatr Rio Gd Sul 2003;25(1):9-21.
  8. Violência doméstica, abuso de álcool e substβncias psicoativas. Rev Bras Psiquiatr 2005;27(2):s51-s55.
  9. Violência vivida: a dor que não tem nome. Interface Comun Saúde Educ 2003;7(12):41-54.
  10. Vítimas de trauma por causas externas na cidade de Uberaba-MG. O Mundo da Saúde 2008;32(1):100-106.
  11. Caracterização dos casos de violência doméstica contra a mulher atendidos em dois hospitais públicos do Rio de Janeiro. Cad Saude Publica 2000;16(1):129-137.
  12. Violência entre parceiros íntimos e consumo de álcool. Rev Saude Publica 2010;44(1):53-59.
  13. Does body armor protect from firearm injuries? J Am Coll Surg 2006;202(4):643-648.
  14. Víctimas de accidente de tránsito sometidas a procedimientosquirúrgicos: características y complicacionestransoperatorios. Rev esc enferm USP 2012;46:58-64.
  15. Damage control surgery: it's evolution over the last 20 years. Rev Col Bras Cir 2012;39(4):314-321.
  16. A revision of the Trauma Score. J Trauma 1989;29(5):623-629.
  17. Ministério da Saúde. DATASUS [Internet]. Informações de Saúde. Estatísticas vitais. óbitos por causas externas: mulheres vítimas de violência em 2014. Brasília (DF): Ministério da Saúde; 2016. [citado 2016 Sept 7]. Disponível em: .
  18. Resolução no 2, de 26 de agosto de 2014. Divulga a estimativa da População para Estados e Municípios com data de referência em 1o de Julho de 2014. Diário Oficial da União, Brasília, n. 165, 26 de Agosto de 2014, p. 99, Seção I.
  19. A violência como objeto da assistência em um hospital de trauma: “o olhar” da enfermagem. Ciênc Saúde Coletiva 2005;10(2):419-431.
PDF Share
PDF Share

© Jaypee Brothers Medical Publishers (P) LTD.